Ressentimento
Lula vê como “armação” ameaça à Moro e bota Dino em saia justa
Por Andre Reis • 24/03/2023
Compartilhe
Não bastasse o petista ter dito recentemente querer “foder” o ex-juiz da Lava Jato, Lula ainda questionou a atuação da magistrada Gabriela Hardt.

Durante visita ao complexo naval de Itaguaí, no Rio de Janeiro, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) disse nesta quinta (23) que o plano do PCC para matar o senador Sergio Moro (União Brasil-PR), é mais uma “armação” do ex-juiz da Lava Jato.

“Eu acho que é mais uma armação do Moro. Quero ser cauteloso, é visível que é uma armação do Moro. Vou pesquisar, vou saber. Fiquei sabendo que a juíza não estava nem em atividade quando deu o parecer para ele. Eu vou pesquisar e saber o porquê da sentença. Não vou ficar atacando ninguém sem ter provas e, se for mais uma armação, ele vai ficar mais desmascarado ainda. Não sei o que vai fazer da vida se continuar mentindo do jeito que está mentindo”, disse.

Não bastasse o petista ter declarado querer “foder” Moro quando estava preso em Curitiba, dessa vez o presidente não só colocou em xeque a atuação da magistrada Gabriela Hardt, substituta de Moro como juíza da Lava Jato e responsável por condenar Lula no caso da chácara de Atibaia, como atingiu o ministro da Justiça Flávio Dino (PSB).

O ex-governador do Maranhão disse que a investigação provava que não havia aparelhamento na PF. “A investigação é tão séria que foi feita em defesa da vida e da integridade de um senador de oposição ao nosso governo”, declarou Flávio Dino.

Enquanto a operação foi referendada pelo ministro, Lula trouxe uma desconfiança de uma operação que vinha combatendo o crime organizado.

Compartilhe
17/02/2024
PROJETO DE LEI
Deputada tenta acelerar PL que pune preconceito aos políticos
17/02/2024
MARANHÃO
Desemprego no MA atinge menor nível desde governo Roseana
17/02/2024
BENEFÍCIO
Foragido do CV recebeu auxílio emergencial mesmo quando preso

1 Comentário

  1. Celso

    Deixem o Nine falar… peixe morre pela boca. Fala mais Nine, por favor…

    Responder

Trackbacks/Pingbacks

  1. Partido dos Trabalhadores força a barra em favor de detentos - […] Há dois dias, a após a Polícia Federal prendeu criminosos que participavam de um plano para assassinar o parlamentar Sergio…

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda