MARANHÃO
Desemprego no MA atinge menor nível desde governo Roseana
Por linharesjr.com.br • 17/02/2024
Compartilhe
Maranhão emprego
Maranhão celebra queda na taxa de desocupação, atingindo 7,9% no último trimestre de 2023, segundo o IBGE.

MARANHÃO, 16 de fevereiro de 2024 – O Maranhão experimentou uma redução na taxa de desocupação no último trimestre de 2023, sendo um marco histórico desde o governo Roseana. Os dados foram divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) na sexta (16).

A taxa de desocupação apresentou queda em ambos os sexos, com a taxa das mulheres diminuindo de 9,3% para 9,2%, e a dos homens de 6,4% para 6,0% no mesmo período.

Em relação ao nível de ocupação, que representa a proporção de pessoas exercendo atividade remunerada entre a população em idade de trabalhar, a taxa foi de 68% para os homens e 47,9% para as mulheres, totalizando 57,6% para toda a população.

O estado alcançou um recorde histórico, atingindo uma taxa de desocupação de 7,9%. O governador Carlos Brandão (PSB) confirmou e comemorou a notícia nas redes sociais.

“Sinais positivos para o mercado de trabalho no Maranhão. Segundo o IBGE, a taxa de desocupação do estado em 2023 atingiu 7,9%, a menor desde 2014. A população ocupada cresceu 2,8% no quarto trimestre de 2023, totalizando 2,7 milhões de pessoas trabalhando”, destacou Brandão.

Em comparação com o restante do Brasil, o Maranhão, juntamente com Acre e Rio de Janeiro, está entre os estados que registraram as maiores reduções no número de desocupados.

Compartilhe
23/11/2023
ECONOMIA
Aumento de impostos vai gerar desemprego no Maranhão
29/09/2023
IBGE
Desemprego recua a 7,8% no trimestre encerrado em agosto
31/08/2023
ECONOMIA
Desemprego no Brasil atinge 7,9% no 2º semestre

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda